Imprimir

 

Gestão de Resíduos em Unidades Hoteleiras | Formação Gratuita Online

Sexta, 03 Dezembro 2021


 CURSO 14H

O NERA realizará, entre os próximos dias 13 e 17 de dezembro, uma Ação de Formação, em formato online, dedicada ao tema “Gestão de Resíduos em Unidades Hoteleiras” com um total de 14 horas. Esta ação destina-se a Chefias intermédias dos vários sectores de hotelaria e todas as pessoas que pretendam implementar as boas práticas de gestão de resíduos na hotelaria, garantindo a sua conformidade legal e é100% financiada e certificada.

Ação de Formação: Gestão de Resíduos em Unidades Hoteleiras

Duração: 14 horas

Destinatários: Chefias intermédias dos vários sectores de hotelaria entre os quais: Food & Beverage, Housekeping, Manutenção, Jardim. Todas as pessoas que pretendam implementar as boas práticas de gestão de resíduos na hotelaria, garantindo a sua conformidade legal.

Período de Realização: 13, 14, 15, 16 e 17* de dezembro de 2021, das 9h30 às 12h30 (* 9h30 às 11h30)

Objetivos:
No final da Ação de Formação os formandos deverão ser capazes de:
- Classificar os resíduos;
- Caracterizar o conceito de reciclagem;
- Identificar e caracterizar os conceitos da gestão de resíduos;
- Identificar os materiais recicláveis;
- Efetuar as diferentes operações de reciclagem;
- Armazenar, preparar e expedir os resíduos sólidos de acordo com a tipologia, tendo em conta as regras de higiene e segurança.

Conteúdos
1. Enquadramento Ambiental/Social
2. Impacto no destino Turístico
3. Enquadramento Legal
4. Gestão do fluxo dos resíduos hoteleiros
5. Política dos 3 R's

Avaliação:
Teste de avaliação de conhecimentos com respostas de escolha múltipla e de desenvolvimento.

Inscrição:
Os interessados nesta ação de formação certificada deverão fazer chegar ao NERA a Ficha de Inscrição até ao dia 8 de dezembro de 2021, através do email nera@nera.pt


Esta iniciativa insere-se no âmbito do Projeto ECRESHOT - Economia Circular e Resíduos de Sabonetes de Hotelaria
, cujo principal objetivo passa por conhecer o ponto de situação ao nível da produção, armazenamento e destino das tipologias de resíduos provenientes da hotelaria, tais como: sabonetes, biorresíduos, têxteis, móveis e eletrodomésticos, atualizar o enquadramento a nível de “metabolismo regional” no Turismo e, face dos resultados, propor atuação em conformidade, no Algarve e na Andaluzia.