Frontpage Slideshow | Copyright © 2006-2010 JoomlaWorks, a business unit of Nuevvo Webware Ltd.

Criar PDF Recomendar Imprimir

 

nerainforma n.º 121, junho 2020

Nº Boletim 121 Data Junho 2020
Ficheiro(s):

CONTINUAR A LUTAR

PREPARAR-SE PARA O FUTURO

Presidente Site

O Governo suspendeu as medidas restritivas e teve reinício a atividade empresarial. As empresas utilizaram os mecanismos de apoio (lay off, linhas de crédito, prorrogações, etc.) e a economia voltou a dar sinais de vida.

Muitas empresas da região utilizaram esses mecanismos, utilizando a informação e o apoio do NERA.

Trata-se evidentemente de uma situação melhor que a anterior, mas num quadro que não gerou uma evolução mais consistente.

Os novos sinais negativos, que entretanto surgiram, em relação à evolução do COVID 19 a nível nacional e, pontualmente, também no Algarve, voltaram a gerar alguma preocupação quanto à evolução da atividade das Empresas, do Emprego, do Consumo.

Além disso tendo em conta a situação específica do peso do Turismo na economia da região, as indefinições de autoridades estrangeiras sobre o controle sanitário das viagens dos seus cidadãos, acrescentam novas preocupações, geram novas incertezas. Se as autoridades dos principais mercados emissores impuserem medidas restritivas quanto à circulação dos seus cidadãos, Portugal e sobretudo o Algarve terão situações difíceis.

 

UM PRESENTE DIFÍCIL. UM FUTURO INCERTO. QUE FAZER?

 Primeiro. Apesar da continuação das dificuldades, não nos resta que continuar a trabalhar e a tomar as medidas - de organização e atividade -para defender e consolidar as nossas empresas. Não desistir. RESISTIR.

 Segundo. Temos de aproveitar os mecanismos de apoio já criados pelo governo (ainda o lay off simplificado e as linhas de crédito). E o NERA vai continuar a agir junto do governo - em colaboração com a CIP-CEP - para que estas medidas possam manter-se. E outras possam ser criadas. LUTAR.

 Terceiro. O governo anunciou a realização de um plano de recuperação da economia - na base de apoios financeiros da União Europeia - e nós, empresários do Algarve, e desde logo o NERA - vamos agir para que o Algarve possa ter acesso a esses recursos, para apoiar as empresas que enfrentam dificuldades, defender o emprego e apoiar o investimento, de forma justa e adaptada à realidade da Região.

É isto que o NERA se compromete a fazer.

Caros Colegas Empresários: contactem-nos. Avancem com propostas e ideias.

NERA PRESENTE!

Vítor Neto
Presidente da Direção do NERA 

 


 

CONHEÇA A PLATAFORMA DAS ÁREAS EMPRESARIAIS DO ALGARVE

7

A plataforma das Áreas Empresariais do Algarve (Zonas Industriais, Parques Empresariais) é uma das componentes do Projeto Algarve REVIT+, que visa a revitalização das Áreas Empresariais do Algarve, através do reforço da capacitação e promoção das PME instaladas nessas áreas, num modelo de gestão e de marketing inovadores, numa lógica coletiva.

Além de um diretório de empresas instaladas nas áreas empresariais de todo o Algarve, é também um sítio de interação e partilha de oportunidades de negócio e de boas práticas empresariais, de valorização e de promoção conjunta das PME.

Contactos:
www.aealgarve.pt 
Email: nera@nera.pt
Tel: 289 415 151 Telm. 968 576 864

 


 

FORMAÇÃO NÃO FINANCIADA PARA EMPREGADOS E DESEMPREGADOS

nera formacao

O NERA – Associação Empresarial da Região do Algarve, com o objetivo de melhorar a empregabilidade da população (empregados e desempregados), através do desenvolvimento de competências para o mercado de trabalho, encontra-se a promover, para o mês de julho, em formato ONLINE, várias ações de formação profissional:

  • Coaching - uma ferramenta para uma liderança de sucesso
  • Comunicação e Assertividade
  • Instagram para Negócios
  • Novos desafios de Segurança e Saúde no Trabalho nas Organizações
  • Elaboração de um Plano de Contingência e um Protocolo Interno para a sua empresa
  • Ergonomia em Teletrabalho
  • Liderança e gestão de equipas em tempos de incertezas
  • Marketing nas Redes Sociais

 


Poderá consultar o Plano de Formação e efetuar a sua inscrição nas várias Ações de Formação, acedendo à opção “Formação Profissional – Formação não Financiada”, em https://www.nera.pt/formacao-profissional/formacao-nao-financiada ou então poderá contactar o Gabinete de Formação do NERA através dos seguintes contactos:

Tel.: 289 415 151
E-mail: gfo@nera.pt

 


 

 CONFERÊNCIA ON-LINE 29 DE JUNHO

SINAIS VITAIS - ACELERAÇÃO RUMO AO FUTURO

 Organizada pela CIP - Confederação Empresarial de Portugal e pelo Marketing FutureCast Lab do ISCTE, patrocinada pela Altice Empresas, e com o apoio do ISCTE Executive Education, do Alumni do ISCTE e ainda do AUDAX ISCTE, realiza-se no próximo dia 29 de junho, das 9h00 às 11h30, a Conferência on-line Sinais Vitais – Aceleração Rumo ao Futuro.

O evento conta com a participação do Ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, e do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, e tem como principal objetivo mostrar a todos os participantes casos de sucesso de empresas portuguesas que perante uma situação de dificuldade extrema, desenvolveram soluções para os seus negócios que podem ser inspiradoras para o restante tecido empresarial.

Nesse sentido, serão apresentados e discutidos exemplos diferenciados de atuação de empresas portuguesas dos vários setores, as ideias de gestores de diferentes setores de atividade, bem como quais as tendências de marketing que poderão influenciar o comportamento dos consumidores e a resposta das empresas, funcionando como um catalisador de positividade para todos nós.  

Consulte o PROGRAMA da Conferência e faça aqui a sua INSCRIÇÃO.

 


 

YOUNG UNIVERSITY RANKINGS VOLTA A COLOCAR A UNIVERSIDADE DO ALGARVE ENTRE AS MELHORES UNIVERSIDADES JOVENS DO MUNDO

A Universidade do Algarve aparece pela terceira vez no ranking do Times Higher Education (THE) Young University Rankings 2020, que analisa o desempenho de instituições de ensino superior criadas há 50 anos ou menos. Entre as oito instituições de ensino superior portuguesas que integram este ranking, a UAlg destaca-se no indicador que avalia a projeção internacional.

A lista do THE apenas indica o lugar exato das instituições até à 100.ª posição, a partir da qual passam a ser classificadas por grandes intervalos, sem hierarquia.

Não obstante o aumento da competitividade deste ranking, a UAlg classifica-se entre as posições 201 e 250. Este é o oitavo ano de publicação da avaliação do THE, que nesta edição vê aumentado o número de instituições (414), face a 2019 (351), e de países, passando de 60, no ano transato, para 66, em 2020.

Os 13 indicadores avaliados são os mesmos utilizados no Ranking Mundial das Universidades da Times Higher Education e organizam-se em torno de cinco grandes áreas: a qualidade do ensino e da investigação, as citações dos artigos científicos produzidos, a sua relação com a indústria ou a projeção internacional.

 


 

IN LOCO
APOIO PARA PEQUENOS INVESTIMENTOS AGRÍCOLAS

A Associação IN LOCO, na qualidade de entidade gestora do Grupo de Ação Local para o Interior do Algarve Central, informa que se encontram abertos concursos para apresentação de candidaturas no âmbito da medida 10 “LEADER”, do PDR2020, ao seguinte anúncio:

  • 10.2.1.1 – PEQUENOS INVESTIMENTOS NA EXPLORAÇÃO AGRICOLA (de 1 de junho a 31 de julho)

Esta tem sido a medida com maior procura neste território, pelo que foi decidido canalizar o que podem ser as últimas verbas disponíveis, para abrir de novo este concurso.

As candidaturas devem ter os seguintes objetivos:

  • Promover a melhoria das condições de vida, de trabalho e de produção dos agricultores;
  • Contribuir para o processo de modernização e de capacitação das empresas do setor agrícola.

 

O investimento nas explorações deve ser superior ou igual a 1000€ e inferior ou igual a 40000€. Os apoios variam entre 40% a 50% do investimento elegível, sob a forma de subvenção não reembolsável.

Os investimentos devem estar localizados no território do Interior Algarve Central, que abrange as seguintes freguesias: Guia e Paderne, no Concelho de Albufeira; Santa Bárbara de Nexe, Conceição e Estoi, no Concelho de Faro; Alte, Ameixial, Boliqueime, Salir, São Sebastião e Querença, Tôr e Benafim, no Concelho de Loulé; Pechão e Moncarapacho e Fuseta, no Concelho de Olhão; São Brás de Alportel; São Bartolomeu de Messines e São Marcos da Serra, no Concelho de Silves; Cachopo, Santa Catarina da Fonte do Bispo e Luz de Tavira e Santo Estêvão, no Concelho de Tavira.

Esta informação não dispensa a consulta da legislação em vigor.

Os Anúncios e demais informação relevante, nomeadamente legislação, formulários, orientações técnicas que incluem as listas de documentos a apresentar, estão disponíveis no portal do PORTUGAL 2020, em www.pt-2020.pt, no PDR 2020 em www.pdr-2020.pt, ou no sítio do GAL “Interior do Algarve Central” em www.in-loco.pt.

Esclarecimentos junto do Contact Center do PDR2020, a contactar através do n.º 800 500 064, ou na Associação IN LOCO através do telefone 289 840 860 ou correio eletrónico dlbc@in-loco.pt .

 


 

INTRÉPIDA PLUS
MUNICÍPIO DE FARO NO APOIO AO EMPREENDEDORISMO FEMININO

O Município de Faro encontra-se em fase de adesão ao projeto INTREPIDA PLUS que é cofinanciado ao abrigo do Programa Interreg POCTEP e visa dar continuidade à Rede de Empresárias das regiões Alentejo/Algarve/Andaluzia, iniciada com o projeto INTREPIDA.

Tem como objetivo promover o empreendedorismo e a internacionalização no FEMININO, apoiando as empresárias aderentes nas suas inter-relações comerciais transfronteiriças e partilha de boas práticas e experiências culturais.

O projeto visa atingir os seguintes resultados:

  • Ganho de visibilidade das empresárias INTREPIDA através da atualização e reedição do Guia online INTREPIDA+;
  • Aumento da intervenção das empresárias em fóruns de trabalho internacionais;
  • Atualização e capacitação para a internacionalização;
  • Inter-relação Portugal/Espanha através da música, cinema, literatura, artes, e participação em eventos, tendo por motor a presença feminina.

 

Saiba mais aqui: http://tresculturas.org/proyecto/intrepida/  

Trata-se de mais uma iniciativa do Município de Faro no apoio ao empreendedorismo, na promoção da igualdade de género e no reforço do papel social das mulheres que lideram empresas na nossa região.

Para mais informações, contatar:
Tel.: 289 870 041
Email: faroinveste@cm-faro.pt

 


 

TRABALHADORES EM REGIME DE LAY-OFF
SEGURANÇA SOCIAL VAI PAGAR COMPLEMENTO DE ESTABILIZAÇÃO

Para atenuar os efeitos da redução de rendimentos dos trabalhadores abrangidos pelos regimes de lay-off simplificado ou geral, a Segurança Social vai proceder ao pagamento no mês de julho de um complemento de estabilização.
 
Assim, têm direito ao mesmo os trabalhadores cuja remuneração base em fevereiro de 2020 tenha sido igual ou inferior a €1270 (duas vezes o valor do salário mínimo) e que entre os meses de abril e junho, tenham estado abrangidos pelo menos 1 mês completo pelo regime de lay-off simplificado (Decreto-Lei N.º 10-G/2020, de 26 de março) ou por redução temporária do período normal de trabalho ou suspensão do contrato de trabalho - regime geral de lay-off (art.º 298.º e seguintes do Código do Trabalho).
 
O complemento de estabilização corresponde à diferença entre os valores da remuneração base declarados referentes ao mês de fevereiro de 2020 e ao mês completo em que o trabalhador esteve abrangido por uma das medidas de lay-off em que se tenha verificado a maior diferença. No entanto, tal complemento tem por limite mínimo €100 e por limite máximo €351, sendo pago, conforme se referiu, no próximo mês de julho.
 
Note-se que, para cálculo do montante a pagar ao trabalhador são considerados os valores indicados nas declarações de remunerações entregues à Segurança Social até ao próximo dia 15 de julho.

 


 
PORTUGAL LIDERA RANKING EUROPEU DE INOVAÇÃO NAS PME

O European Innovation Scoreboard 2020 revela que Portugal está no pelotão da frente, entre os países mais inovadores da União Europeia (UE), destacando-se no que se refere às PME.

O ranking, divulgado no início desta semana pela Comissão Europeia, baseia-se numa avaliação comparativa do desempenho de I&D, não só nos países da UE, mas também noutros países europeus e de fora da Europa.

O ambiente favorável à inovação e os sistemas de investigação atrativos são apontados como os principais fatores que colocam Portugal na linha da frente nesta área, tendo sido dos países que mais melhorou o seu desempenho entre 2012 e 2019.

É de salientar a pontuação particularmente positiva do país quando a análise se centra nas PME nacionais, que, de acordo com Bruxelas, inovam internamente, em processos e produtos, e apostam na contratação de recursos humanos altamente qualificados.

Dentro da UE, o país que lidera este ranking é a Suécia. No global internacional, a Europa comunitária ocupa a quinta posição do quadro classificativo, que é liderado pela Coreia do Sul, seguida pelo Canadá e Austrália.

 


 

PME LÍDER

CANDIDATURAS ABRIRAM NO PASSADO DIA 15 DE JUNHO

Abriram no passado dia 15 de junho as candidaturas ao estatuto PME Líder, um selo de prestígio que distingue as PME que, pelas suas qualidades de desempenho e perfil de risco, se posicionam como motor da economia nacional em vários setores de atividade.

Para candidatar a sua empresa, deve manifestar esse interesse junto de um dos bancos parceiros desta iniciativa, que efetuará a análise do perfil de risco, formalizando posteriormente a proposta ao IAPMEI.

Os bancos parceiros desta iniciativa são:

Banco BPI
Bankinter
Caixa Geral de Depósitos
Crédito Agrícola
EuroBic
Millennium BCP
Montepio
Novo Banco
Novo Banco Açores
Santander Totta

A comunicação da atribuição do estatuto PME Líder é feito pelo IAPMEI ou pelo Turismo de Portugal, no caso das empresas do setor do Turismo.

As PME Líder, além do prestígio conferido por esta distinção, têm ainda acesso a um conjunto de benefícios, como condições especiais junto da banca e de uma rede de serviços em várias áreas.

 


 

Divulgação:

Para que possa lançar, expandir ou rentabilizar a atividade da sua empresa, o NERA , para além de todos osserviços e apoios que tem vindo a prestar aos empresários da Região, ou aos que aqui se pretendem instalar,dispõe de um serviço de aluguer/cessão de uso de salas e espaços variados, situadas no seu Centro Empresarial de Negócios.

As salas/ espaços poderão ser arrendadas por períodos variáveis, desde por horas ou dias a mensal, anual ou plurianualmente.

O uso de qualquer destes espaços traz consigo vantagens adicionais, como:

  • inserção num espaço comum de múltiplas utilizações e não isolado;
  • uso imediato de energia e água;
  • possibilidade de acesso a serviços diversificados, como: fotocópias, fax, mail, gestão de correspondência ou contactos, etc.;
  • integração no núcleo da NERA, onde encontra disponibilidade do uso ocasional de espaços e serviços, entre os quais salas para reuniões, apresentações de produtos ou formação, salas de congressos,organização de eventos, secretariado, aluguer de mobiliário, etc.

 

Também disponibilizamos serviços de sediação de empresas e gestão de contactos.

 

 

Login Form